Cinema em Crônica
Além da Crítica

O que diferencia o Cinema em Crônica de outros portais de cinema na internet?

 
 
 
   Home      Diferencial do site
 
 
O que diferencia o Cinema em Crônica de outros portais de cinema na internet?

Os textos do site não se enquadram propriamente no habitual esquema dissertativo (de teor jornalístico) conhecido como “crítica de cinema”. Este, por sua vez, possui uma configuração textual bem definida: sinopse estendida, avaliação técnica, ponderações vagas e sutilmente subjetivas sobre a análise do filme - sem nunca transparecer nenhuma revelação importante do enredo. Dependendo do meio de comunicação e da abordagem do redator, esse tipo de texto estará principalmente comprometido em ser um veículo de divulgação midiático do longa-metragem, inclusive podendo ser conferido antes da sessão sem grande prejuízo para o espectador. Para fazer justiça, essa descrição rígida define melhor a chamada "crítica comercial".

Portanto, é claro que não podemos subestimar o brilhante trabalho (artístico, hermenêutico, semiótico...) desenvolvido por alguns críticos de cinema, além da própria relevância literária desse estilo. Entretanto, alguns leitores buscam aprofundar o seu nível de compreensão sobre determinados filmes, de modo que comumente não conseguem satisfazer apenas pela “crítica”, pois, independente do seu talento, o redator quase sempre estará tolhido pelas referidas convenções do gênero textual.

O “Cinema em Crônica” pretende oferecer para o leitor/cinéfilo um meio de expandir o seu nível de compreensão sobre determinados filmes, sobretudo aqueles que possuam uma demanda reflexiva pertinente, e ao mesmo tempo fomentar a discussão dialética e desconstrutiva para novas interpretações sobre a obra.

Dessa forma, os nossos textos são direcionados ao público que já tenha assistido aos filmes em questão. O nosso objetivo é tentar desnudar a obra ao máximo, torná-la amplamente compreendida e, ao mesmo tempo, estarmos abertos para novas contribuições interpretativas originais sobre o enredo.

Em tese, os textos do site podem até ser encarados e/ou catalogados como "crítica", mas caprichosamente refiro-me a eles como "crônicas", dada a total liberdade discursiva.

Evidentemente, não será em apenas um texto que esgotaremos todas as legítimas possibilidades interpretativas de um filme, muito menos todas as alegorias contidas em cada frame, mas podemos explorar os principais elementos narrativos que ilustram os subsídios essenciais que a obra nos fornece para decifrá-la; e para isso caberá ao leitor validar estas pistas em outras passagens da trama, para que assim tenha segurança em estabelecer suas próprias conclusões, levando-o ao balizamento de seu senso crítico, para finalmente culminar com o amplo enriquecimento da experiência fílmica.